Quais as vantagens de fazer análise ergonômica da sua empresa?

Através desse artigo saiba a importância da análise ergonômica para o rumo das empresas.

O que é a análise ergonômica?

O que é a análise ergonômica ?

A Analise Ergonômica de Trabalho (AET) nada mais é que identificar os erros na relação instrumento de trabalho x homem.

Sendo assim cria uma série de medidas corretivas e preventivas relacionadas aos fatores de riscos ergonômicos dentro de vários aspectos, bem como também:

  • relacionado a posturas corretas,
  • estratégias e métodos para combater problemas ocupacionais,
  • maior conforto no ambiente de trabalho,
  • e treinamentos dos colaboradores.

Qual a norma regulamentadora responsável pela análise ergonômica?

Regida pela Norma Regulamentadora NR 17, onde estabelece parâmetros para adequar o ambiente trabalhista as condições psicofisiológicas do trabalhador, promovendo conforto, autoestima, e desempenho eficiente, levando a empresa ter resultados em excelência!

Sendo assim a finalidade é trazer otimização e bem estar dos trabalhadores e melhorar a qualidade dos processos e resultados de trabalho.

Qual a vantagem de tudo isso?

Qual a vantagem de tudo isso?

Dois pontos como resposta:

1º Sucesso profissional

2º Diminuição dos números de absenteísmo, ou seja, aqueles colaboradores que são afastados devido a problemas de saúde.

Quem realiza analise ergonômica da sua empresa sabe sair ganhando com o time que se ganha.

As AET diminuem doenças ocupacionais e afastamentos, aumentando o rendimento da equipe.

Quando a empresa se mostra preocupada com o seu trabalhador ele se sente abraçado e logo vai desempenhar sua função com mais dedicação.

Isso também traz um ponto positivo onde o colaborador não irá trabalhar sobre frustação causado pelo desconforto do ambiente em que trabalha, levando -o a stress, má desenvoltura na função e até problemas emocionais.

Ademais investir nessa gestão ergonômica é fundamental, hoje com a alta procura se torna quase obrigatória no ramo empresarial, essa medida visa até mesmo a diminuição simultânea do número de trabalhadores que entram e ações judiciais contra a empresa por conta dos danos psicofísicos a saúde.

Esses processos judiciais não nada bom não é verdade?

Custam caro, cansativos e afeta atrasos na empresa como seu crescimento por exemplo e ter o nome manchado na internet.

Ademais outra importância é a melhoria do rendimento trazendo uma equipe eficaz e mais motivada.

Sendo assim, dessa maneira os colaboradores rendem mais.

Por isso, nós da Prolife somos capacitados em realizar uma analise ergonômica com total qualidade e comprometimento, gerando cadeias de valores com os melhores resultados na prevenção de doenças ocupacionais.

Entre em contato em nossos vários canais de atendimento para esclarecer dúvidas, informações e orçamentos. Será um prazer atendê-los.

Autor: Alessandra Almeida / Auxiliar administração de expedição e planejamento de HO.

Saiba mais

Análise Ergonômica do Trabalho (AET) e o fatores de riscos ergonômicos

AET – Análise Ergonômica do Trabalho: FAKE NEWS?

Ergonomia afeta o eSocial? Entenda como:

Rodrigo Oliver
Sou Engenheiro de Segurança do Trabalho e Higienista Ocupacional, daqueles que estão sempre falando de segurança, então a ideia é compartilhar com vocês as coisas que acredito e que têm possibilitado um grande sucesso na nossa empresa. Aqui são dezenas de pessoas trabalhando para encontrar a solução mais incrível na redução dos acidentes de trabalho e das doenças ocupacionais.