Acidente de trabalho na China: Qual o real motivo?

Você lembra de uma época que toda hora aparecia algum vídeo ou uma notícia acidente de trabalho na China?

Possuo a impressão de que por ser um país ditatorial, lá os trabalhos eram forçados e sem descanso e além disso não haveria qualquer direito trabalhista.

Você reparou que o acidente na China está cada dia mais raro, mas será por que?

O fato é que a China é o país mais populoso do mundo, então tudo o que é bom ou ruim acontece em escala absurdamente maior do que em qualquer outro lugar.

Ademais o antagonismo Ocidente versus Oriente, onde a mídia ocidental sempre procura meios de construir uma imagem negativa dos países de lá.

Vide Coreia do Norte, o mais novo “patinho feio”, com notícias simplesmente absurdas e ridículas, que ainda assim as pessoas conseguem acreditar.

Apesar disso, sem dúvida alguma a China tinha pouca segurança de trabalho.

Afinal o país segue se industrializando e se desenvolvendo rapidamente,  e provavelmente em algum ponto desse desenvolvimento o nível tecnológico e os sistemas de segurança não mais se combinavam.

Sendo assim resultou em locais de trabalho absolutamente perigosos.

Nos anos 90 e no início dos anos 2000 foi o período em que o setor privado cresceu enormemente em relação ao setor estatal de lá, setor este que é o pilar da economia Chinesa.

Mas não há como negar que isso já parece ser coisa do passado, os vídeos de acidente deram lugar a vídeos de grande obras de construção civil realizados em tempos recorde de maneira absolutamente organizada.

Lembram do hospital de campanha contra o Covid-19 construído em 10 dias?

Aprovação da Lei trabalhista em 2008

Acontece que no ano de 2001 a China assinou um acordo de cooperação com a Organização Internacional do Trabalho, onde foram definidas metas para tornar o trabalho decente naquele lugar.

Resultando na aprovação da lei trabalhista de 2008, onde se aumentou a ênfase na segurança do trabalho e cortou as “asas” dos chefes exploradores  e gananciosos.

Além disso, a lei garantiu que o trabalhador possa entrar com ação contra a empresa sem o intermédio de sindicatos.

Em caso de demissão, a lei prevê o pagamento de indenizações.

O aviso prévio de um mês e um salário para cada ano de contrato completado na empresa, até o máximo de 12 salários.

Também garantiu que os trabalhadores não devem trabalhar mais que 8 horas por dia e não mais que 44 horas por semana.

Além de prever também dias de folga remunerado. o que faz lembrar nossa velha CLT.

Isso resultou num aumento do custo de mão de obra.

Fazendo com que muitas empresas mudassem suas fábricas para países com leis trabalhistas mais frouxas, como a Índia e o Vietnã.

E é claro, também reduziu drasticamente as mortes por acidente de trabalho nos últimos 15 anos.

Ainda ocorrem acidentes de trabalho na China?

Apesar de todo esse indiscutível avanço, o acidente de trabalho na China ainda são um problema.

Infelizmente os acidentes mais comuns ainda são aqueles de grande escala, principalmente em minas de carvão.

Como por exemplo no último dia 27 de setembro em que dezesseis pessoas morreram por intoxicação por monóxido de carbono.

Todavia um ponto interessante é o fato de que pelo menos os funcionários de estatais, que são a grande maioria por lá, são menos sobrecarregados.

Ademais são avaliados pelas metas econômicas sociais e nacionais gerais, o que inclui a melhoria nos índices de segurança do trabalho.

Fica impossível não refletir e comparar com o nosso país, que com a falsa desculpa de concorrência global.

Afrouxa nossos direitos trabalhistas, enquanto a China, na contramão com suas leis rígidas nada de braçada em direção a liderança da economia mundial. 

Autor: Guilherme Lage / Graduando em engenharia de saúde e segurança.

Saiba mais

Prevenção de Acidentes: apenas um “Oi” pode mudar tudo

Acidente fatal: Porque será que ele acontece?

Estados com maiores índices de acidentes de trabalho no Brasil

Rodrigo Oliver
Sou Engenheiro de Segurança do Trabalho e Higienista Ocupacional, daqueles que estão sempre falando de segurança, então a ideia é compartilhar com vocês as coisas que acredito e que têm possibilitado um grande sucesso na nossa empresa. Aqui são dezenas de pessoas trabalhando para encontrar a solução mais incrível na redução dos acidentes de trabalho e das doenças ocupacionais.